Monitoria de Cultura - FERLAGOS

30/08/2011

Prezados alunos,

Gostaríamos de convidá-los para participar do:

I Congresso Nacional Multidisciplinar de Letras

III Semana Acadêmica de Letras do Instituto Multidisciplinar

Identidade e Linguagens Hoje:

Olhares sobre a Diversidade e a Inclusão

17 a 21 de outubro de 2011

O evento será realizado no Campus Nova Iguaçu da UFRRJ.

Inscrições abertas  no endereço abaixo:

http://r1.ufrrj.br/wp/eventos/semanaletrasim/

 

Ass: Bruno Ramos (Monitor Cultural)


Escrito por Monitoria de Cultura - FERLAGO às 04h04
[] [envie esta mensagem] []



No dia 27 de Agosto, tivemos mais um cinematógrafo , desta vez mediado pela prof. Deborah Cornelio, professora do pré-vestibular da Ferlagos, do ISS e aluna especial de Semiótica do programa de pós-graduação Stricto Sensu da Universidade Federal Fluminense. O filme exibido foi "Aconteceu em Woodstock", que relata a história real da escolha da cidade na qual o festival seria realizado, além de visitar o fundo ideológico presente nos movimentos socio-culturais da década de 60.
 
O festival de Woodstock foi um marco na história da música popular e expoente do movimento hippie e da contracultura, presentes no cenário americano no final da década de 60. Inicialmente , o festival seria realizado na cidade de Woodstock, porém, devido à recusa dos habitantes em sediá-lo, o evento foi transferido para a cidade rural de Bethel, no estado de Nova York, trazendo transtornos ao local e colocando-o para sempre na história como sítio do maior evento de música de todos os tempos.


 
O grande mérito do festival foi o retrato comportamental de uma juventude imersa em um contexto plural de mudanças sociais. Na década de 60, grupos de minorias ganharam voz, que bradavam os direitos civis dos negros, o ideário feminista e a busca por paz e amor. Trata-se da época em que a Guerra do Vietnã levava jovens da classe média americana a lutar pela pátria (os quais, muitas vezes, não voltavam para casa), do lançamento de "The Feminine Mystique", de Betty Friedan, que criticava a ideia de que a mulher só poderia encontrar sua felicidade sendo mãe exemplar e dedicada trabalhadora do lar, e do movimento pelos direitos civis dos negros. Um cenário propício ao nascimento de movimentos reacionários à ordem social vigente, que teve nas passeatas pela paz e no festival de Woodstock, entre outros, um espaço de expressão.
 
Ao final do filme, tivemos um debate acerca das questões ideológicas principais presentes nos anos 60. O debate proporcionou aos presentes conhecer alguns desses movimentos de reação e enxergar o movimento hippie pelo nível fundamental de seu discurso, entendendo o que queria aquela juventude com seus atos de rebeldia contra as convenções sociais.  
 



Escrito por Monitoria de Cultura - FERLAGO às 04h02
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
 
 
       
   
Histórico

OUTROS SITES
    Site da Ferlagos
  Meu Orkut
  Blog da Hylea Valle


VOTAÇÃO
    Dê uma nota para meu blog